SOL EM CÂNCER • JÚPITER EM PEIXES

1 comentário

oie amigas! sou eu, Celina Knust, a astróloga e taróloga de Genóvia. hoje eu vim pregar a palavra da Astrologia para as senhoras as energias do céu do momento, com a entrada do Sol no signo de Câncer e essa retrogradação de Júpiter pelo signo de Peixes. se você tem Sol, Lua ou Ascendente no signo de Touro, esse momento reflete especialmente um processo que te afetará de forma muito potente.

 

SOL EM CÂNCER

 

O Sol mergulha em território lunar: a busca por profundidade nos conecta com as respostas que residem dentro, indicando o caminho em direção ao que é familiar e íntimo como tentativa de recuperar a fluidez e a sensação de segurança presente no acolhimento! Câncer é o signo da construção do que conhecemos como "Lar", não significando necessariamente o espaço físico da casa em que residimos, mas o espaço no mundo onde sentimos na pele o pertencimento e a profunda identificação, o "lugar de ser", onde estão os códigos e referências comuns ao meio físico, emocional e espiritual com o qual nos identificamos.

Ao tornar-se próximo ao ponto mais profundo do zodíaco, o Sol nos convida a adentrar as águas calmas e pacíficas de Câncer para um mergulho cíclico de observação e paciência com os nossos próprios processos! Esse é um convite ao movimento de silenciar, acalmar e acolher!

Câncer é o signo da sutileza e dos detalhes que tornam uma Casa física num Lar emocional. O cheiro da comida, a cor das cortinas, o padrão dos azulejos reverberam o senso de pertencimento e te permitem experimentar o conforto de saber onde está.

Na sua relação com quem você é, quais são os detalhes e sutilezas que a tornam única aos seus olhos? Quais características precisam ser acolhidas, perdoadas, amadas e percebidas? Quando foi a última vez em que você se sentiu realmente confortável na própria pele? O que aconteceu desde então?

Todas essas perguntas e muitas outras reverberam na mente e no coração, pedindo um recomeço e um resgate. E se você pudesse se desconhecer e começar do zero o processo de olhar para si mesma com mais amor e cuidado?

 

JÚPITER RETRÓGRADO EM PEIXES (ATÉ 17/10)

 

O impulso verbal se põe em primeiro lugar e a palavra dita chega antes da intenção de dizê-la. Mercúrio, a mente racional, a fala e a capacidade de comunicar o que pensamos se contagia pela energia iniciadora de Áries, o signo do nosso guerreiro interior.

A estratégia utilizada para conquistar nosso objetivo se manifesta através da voz, da oratória e do convencimento. A mente se enche de Fogo, conferindo a nós o poder de raciocínio acelerado e rápido como a mente de um espadachim no campo de batalha, mas nem sempre a máxima intensidade é necessária ou mesmo compreendida pelas pessoas ao redor.

Nesse período, nos sentimos mais propensas a falar sem pensar ou planejar, nos tornamos mais comunicativos através da linguagem subliminar do corpo e dos gestos e é comum que nossa agitação nos “entregue” diante de situações de ansiedade.

A explosão pode ser destrutiva ou construtiva, nos impulsionando para iniciar projetos com extremo vigor ou nos esgotando no processo de pensar sobre esse mesmo começo, sendo necessária sabedoria e paciência para pensar antes de expor pensamentos ou sentimentos sem o filtro de racionalidade comum a esse planeta.

Permita-se ousar! Permita-se criar o novo e materializar sonhos!

 

RITUAL DE REFLEXÂO SOBRE O PASSADO

 

 

Separe um momento para si mesma, acenda uma vela se for o caso e prepare um ambiente especial para esse momento. Em um caderno especial ou em folhas separadas para esse momento, faça essas reflexões e permita-se mergulhar nessas questões. Retome as perguntas sempre que quiser entender sua evolução com relação a uma situação específica ou à questões amplas.

 

RESPONDA PARA SI MESMA AS SEGUINTES PERGUNTAS:

O que aprendi nos últimos seis meses/no último ano? Do que eu desapeguei recentemente? Faça uma lista de sucessos pessoais, profissionais, em relacionamentos; O que eu gostaria de fazer mas acabei não fazendo? Porque não? O que eu estou feliz por ter feito/conquistado? Quais foram meus maiores desafios/obstáculos nos últimos tempos? Como eu posso evoluir para superá-los? Faça uma lista de aprendizados pessoais, profissionais, em relacionamentos; O que eu vivi que me fez ser quem eu sou hoje? O que do passado merece ficar para trás e não quero levar para os próximos meses/anos? Escreva uma lista de agradecimento para você mesma.

 

Gostou desse conteúdo? Nos siga nas redes para mais conteúdos, comente aqui as suas dúvidas & muitos beijos <3

Celina Knust

1 comentário

Juliana
Juliana

Conteúdo muito esclarecedor e um verdadeiro guia! Amo os rituais, obrigadaaaa

Deixar um comentário

Comentários serão analisados antes de publicados!

Este site é protegido por reCAPTCHA e a Política de privacidade e os Termos de serviço do Google se aplicam.